“Atenção Pessoal, Vamos Começar!”. É a partir desta frase que o silêncio toma conta da Valva Acústica, na Praça do Carmo, em Santo André.

Arte que Soma Sarau

Reunidos no lugar em uma noite fria de inverno, tapume de 40 jovens conversavam e interagiam entre si. Mas no momento em que Pedro José Borelli, 22 anos, músico,
produtor e organizador da reunião, dá início ao Sarau da Consciência, silêncio é sinônimo de reverência, ainda mais quando é para saborear a arte independente.

2Movimento não conta com Ajuda da Prefeitura

Arte que Soma
Sarau Santo André

Mesmo não buscando parceria com o poder público, o organizador acredita que seria importante conseguir apoio ou um auxilio para expandir os encontros para outros pontos
da região e fabricar mais formas de expressão, uma vez que galerias de arte móvel e oficinas.

A sintonia entre as pessoas que participam é tão grande que acaba gerando diversas

amizades. Os malabaristas Caique Luz, 18 anos, e Cosmar Alves, 25, participam do evento desde o início e, após meses sem se verem, se encontraram por casualidade na última
terça.

Já tentou fazer alguém sorrir hoje?

Mesmo com pouco tempo, a união já vem fazendo a força e mudando a vida de alguns dos participantes. Sempre que pessoas se unem para fazer o bem, o bem vem. Temos que parar de lugar contra o mal sempre. Começar a olhar para nós mesmos e para os próximos de uma maneira a qual podemos mudar se não o mundo a manhã de alguém.

Arte que Soma - Sarau Santo Andre 2
Sarau Santo Andre 2

“O sarau me salvou. Um dia estava trabalhando em um farol cá perto e quase fui atropelado por um motoqueiro que furou o sinal. Fiquei nervoso e quis desistir. Juntei minhas coisas e sai. Passei por cá e estava acontecendo o sarau. Sentei e escutei tudo que precisava para não me entregar. Fui ao palco e cantei uma música que criei”, conta Alves,

que desde então frequenta o sarau toda semana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here