Existe Relação entre TDAH e Problemas para Dormir?

211213213
Relacao Tdah E Problemas Para Dormir
Avalie a Matéria

Existe Relação entre TDAH e Problemas para Dormir?

Saúde ABC

relacao-tdah-e-problemas-para-dormir

Os problemas de sono e TDAH são altamente correlacionados. Pessoas com TDAH são propensas a problemas de sono geralmente não diagnosticados. Os problemas do sono – como a apneia do sono, a síndrome das pernas inquietas ou a síndrome da fase atrasada do sono – exacerbam os sintomas do TDAH. Às vezes as pessoas são diagnosticadas erroneamente como tendo TDAH quando elas realmente têm um distúrbio do sono.

Continue esta leitura e saiba mais sobre a relação entre TDAH e problemas para dormir, como a apneia do sono, a insônia e a síndrome das pernas inquietas.

TDAH e Problemas para Dormir

Distúrbios do sono muitas vezes imitam os sintomas do TDAH, causando desatenção e inquietação em pessoas que não têm TDAH. Ao mesmo tempo, distúrbios do sono podem exacerbar os sintomas em pessoas que têm TDAH. Existem dois tipos de distúrbios do sono relacionados ao TDAH:

  • Os distúrbios primários do sono são condições físicas que perturbam o sono. Eles incluem distúrbios como apneia obstrutiva do sono, síndrome das pernas inquietas e distúrbio de fase do sono-vigília. Embora difíceis de diagnosticar, esses problemas podem ser gerenciados por intervenções médicas não invasivas.
  • Problemas de sono baseados no comportamento são frequentemente secundários ao TDAH. São comuns em crianças que não conseguem fazer a transição para a hora de dormir sem uma comoção que acabe atrapalhando o sono ou em adultos que seguem hábitos que perturbam o sono.

TDAH e Problemas para Dormir – Como Identificar um Distúrbio do Sono Relacionado ao TDAH

Quando suspeitamos de um distúrbio do sono primário relacionado ao TDAH, alguns dos sintomas mais comuns observados, além da apneia do sono são os seguintes:

  • Apneia do sono. Embora o TDAH e a apneia do sono possam não ser comumente considerados como condições semelhantes, eles podem ser confundidos entre si, já que a apneia do sono pode fazer com que as crianças pareçam distraídas e nervosas.
  • Síndrome da fase atrasada do sono. Talvez o distúrbio mais comum a ocorrer com o TDAH, caracteriza as pessoas que não estão cansadas à noite e que não estão acordadas pela manhã. Seu relógio biológico está fora de controle. Os tratamentos incluem modificações comportamentais, expor-se à luz do sol pela manhã, uso de melatonina e outros.
  • Síndrome das Pernas Inquietas (SPI). Pacientes com SPI experimentam sentimentos desconfortáveis ​​em suas pernas minutos ou horas antes do início do sono, levando à insônia. Há um desejo de mover as pernas porque o movimento alivia o desconforto. Enquanto dorme, o indivíduo se movimenta excessivamente, resultando em interrupção do sono. Os sintomas incluem fadiga e acordar com a cama em desordem. O tratamento pode ser dietético (tomando suplementos indicados pelo médico do sono) ou uso de medicamentos específicos.

Os problemas do sono são frequentemente negligenciados na avaliação rotineira do TDAH. Se você está cansado e não consegue se concentrar, converse sobre seus padrões de sono com seu médico, antes de iniciar um tratamento medicamentoso para o transtorno.

Como Tratar um Distúrbio do Sono Relacionado ao TDAH

Se você tiver problemas de sono, o primeiro passo para resolvê-los é rever seus comportamentos de sono. Para resolver problemas de sono que podem ser comportamentais, estabeleça estas regras básicas:

  • Remova todas as telas do quarto e desligue todas as telas pelo menos uma ou duas horas antes do horário de ir dormir.
  • Vá para a cama na mesma hora todas as noites.
  • Levante-se ao mesmo horário todas as manhãs.
  • Não trabalhe na sua cama e, se possível, evite trabalhar no seu quarto. Reserve sua cama para descansar, dormir e fazer sexo.
  • Faça exercícios regularmente.
  • Reduza sua ingestão de álcool e cafeína. Isso é difícil para pessoas com TDAH porque muitas pessoas tentam se “automedicar” com a cafeína. No entanto, cada pessoa metaboliza a cafeína de forma diferente, e isso pode atrapalhar seu sono mesmo muitas horas depois.
  • Revise seus medicamentos para TDAH com o seu médico, tendo em conta os seus problemas de sono. Uma mudança de medicação pode ser útil.
  • Estabeleça uma rotina de relaxamento antes de dormir – música calma e em baixo volume, luzes fracas e conversas suaves. Evite estresse, luz forte ou exercícios vigorosos por uma ou duas horas antes de dormir.

Se essas estratégias não ajudarem, consulte um especialista para descobrir se você tem um distúrbio do sono.

O post Existe Relação entre TDAH e Problemas para Dormir? apareceu primeiro em Dr José Antonio Pinto.

Otorrino Moema
Otorrino São Paulo: Dr. José Antonio Pinto

Veja aqui onde pode realizar o Exame de Eletroneuromiografia em SP.