Empate concede ao Ituano troféu e vaga

0
171

Com a vantagem de 1 a 0 no jogo de ida, em moradia, a equipe de
Itu conseguiu segurar um empate por 1 a 1 com o Santo André, no
estádio Bruno José Daniel e se sagrou campeão do Troféu do
Interno em cima do último campeão da Série A2. O time de Itu
leva para moradia a taça e também fica com uma vaga na próxima
Despensa do Brasil.

O empate bastava. E foi logo que o Itu jogou; na retranca,
fechado. Aguardando a pressão esperada do Ramalhão, que só a
vitória interessava para ocupar o título, Santo André tinha
que lutar e percorrer o risco de se furar e, o ituano partia para
o contra-ataque. Sem chances clara de gol no primeiro tempo, o
time de Itu se aproveitou de globo paragem e o zagueiro Naylhor,
mandou a globo de cabeça para o fundo do gol.

Sérgio Soares, ousou mais no segundo tempo, tirou o
lateral-direito Cicinho e colocou o atacante David Ribeiro, que
em cinco minutos fez o gol de empate. A pressão aumentou e o
jogo ficou no ataque contra a resguardo, com o Ramalhão partindo
para o tudo o zero, buscando pelo menos o gol para levar a
decisão para os pênaltis, o que deixou o jogo emocionante, com
muitas oportunidades de gol, mas o placar parou: Ituano campeão
do Troféu do Interno e com vaga confirmada na próxima Despensa do
Brasil.

FICHA TÉCNICA
SANTO ANDRÉ 1 X 1 ITUANO
Sítio: Estádio Bruno José Daniel, em Santo André (SP)
Data: 28 de abril de 2017, sexta-feira
Horário: 21 horas (Brasília)
Público: 5.405 pagantes
Renda: R$ 45.840,00
Árbitro: Salim Fende Chavez
Assistentes: Herman Brumel Vani e Evandro de Melo Lima
Cartões amarelos: SANTO ANDRÉ: Diogo Borges, Dudu Vieira,
Claudinho. ITUANO: Rodrigo Celestino, Peri, Naylhor e
Marcelinho.
GOLS: SANTO ANDRÉ: David Ribeiro, aos 5 minutos do 2T; ITUANO:
Naylhor, aos 44 minutos do 1T.
SANTO ANDRÉ: Roberto (Diego); Cicinho (David Ribeiro), Diogo
Borges, Leonardo e Bahia; Renato, Dudu Vieira, Serginho e Garré
(Diogo Orlando); Claudinho e Henan. Técnico: Sérgio Soares
ITUANO: Fábio; Arnaldo, Naylhor, Lima e Peri; Guly, Rodrigo
Celestino (Dener), Lucas Crispim (Marcelinho) e Bassani (Léo);
Claudinho e Ronaldo. Técnico: Roque Júnior.

Empate concede ao Ituano troféu e vaga
Avalie esta notícia
Compartilhar