Na Mooca Estádio do Juventus é tombado

Estádio, três Escolas duas Bibliotecas públicas foram tombadas.

Estádio do Juventus

na Mooca, é tombado pelo Conpresp

O Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo) tombou o Estádio Conde Rodolfo Crespi, do Juventus futebol Clube, muito conhecido como Rua Javari, no Bairro da Mooca, na Zona Leste da Capital Paulista.

Na Mooca Estádio do Juventus é tombado

O local deve ter suas características externas preservadas.

A Rua Javari como o Estádio é tradicionalmente chamado teve sua inauguração no dia 26 (vinte e seis) de abril de 1925 e adquirido da família Crespi pelo Clube Atlético Juventus em 1967. Atualmente, a Rua Javari tem a capacidade para receber aproximadamente quatro mil torcedores, mas que no entanto, segundo o clube proprietário, já registrou a presença de mais de 15 mil torcedores fanáticos. Assim, como o Estádio do Morumbi já teve um volume histórico e até mesmo o Maracanã com o conhecido Maracanazo onde o Brasil perder a primeira copa do mundo aqui no Brasil para o Uruguai.

Diário Oficial do Estado

A decisão foi publicada na edição desta quarta-feira (10) no Diário Oficial do Estado.

Veja a publicação.

Além do estádio, três escolas e duas bibliotecas públicas também foram tombadas:

Escola Estadual Pandiá Calógeras, na Avenida Paes de Barros, 1025 (Mooca);
Escola Estadual Brasílio Machado, na Rua Afonso Celso, 3 (Vila Mariana);
Escola Municipal de Educação Bilíngue para Surdos Helen Keller, na Rua Pedra Azul, 314 (Sé);
Biblioteca Pública Municipal Roberto Santos (antiga Biblioteca Ministro Genésio de Almeida Moura), na Rua Cisplatina, 505 (Ipiranga);
Biblioteca Pública Municipal Adelpha Figueiredo, na Praça Ilo Ottani, 146 (Mooca).

De acordo com a publicação, “ficam integralmente preservadas as volumetrias das escolas e bibliotecas descritas no artigo 1º, assim como suas características arquitetônicas externas e internas incluindo as áreas dos jardins, quadras e áreas de recreação.”

A decisão informa que o prazo de contestação ao Conpresp é de 15 dias corridos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies