Fase emergencial: Santo André reduz horário de funcionamento de estabelecimentos

Fase emergencial: Santo André reduz horário de funcionamento de estabelecimentos :

Fase emergencial: Santo André reduz horário de funcionamento de estabelecimentos

[ad_1]

Crédito: Ricardo Trida/PSA

A Prefeitura de Santo André reduziu o horário de funcionamento de estabelecimentos comerciais que estão autorizados a funcionar na fase emergencial do Plano São Paulo.

A partir deste sábado (20), os setores que antes poderiam funcionar até as 21h, deverão encerrar as atividades às 19h. As regras valem enquanto durar a fase emergencial, inicialmente prevista para terminar em 30 de março. A determinação consta em decreto do prefeito Paulo Serra publicado nesta sexta-feira (19).

“Precisamos conter o avanço dos casos de Covid-19 em Santo André para manter a nossa capacidade hospitalar instalada, para que nenhum andreense fique sem atendimento médico. Enquanto a vacina não chega em grande escala, a única maneira de frear o vírus é com distanciamento social. Por isso, faço um apelo: respeitem as restrições de circulação, não participem de aglomerações, usem máscara a todo o tempo e intensifiquem a higiene das mãos com álcool em gel. É preciso união, respeito à vida e solidariedade para que Santo André resista a esta fase mais aguda da pandemia”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Entre os segmentos autorizados a funcionar até as 19h estão Alimentação (supermercados, padarias, açougues, feiras livres, etc), Transporte (estabelecimentos de locação de veículos, oficinas mecânicas, lojas de autopeças e estacionamentos), Abastecimento (distribuição e logística, agroindústria, transportadoras, armazéns e postos de combustível), Segurança pública e privada, Comunicação Social (empresas jornalísticas e de radiodifusão, de som e imagens), Construção Civil e Indústria.

Também podem funcionar até este horário outros serviços como hotéis, lavanderias, serviço de limpeza, de manutenção e zeladoria, bancários, lotéricas, cartórios, correios, call centers e bancas de jornais.

As demais regras da fase emergencial em Santo André não sofreram alteração. Das 22h às 4h, segue restrita a circulação de pessoas e de veículos no município, além da determinação de fechamento dos estabelecimentos comerciais essenciais. Os serviços de delivery podem operar até 0h.

A circulação de ônibus continuará suspensa entre 22h e 4h, durante o período da fase emergencial. Estão autorizados a funcionar irrestritamente apenas serviços de Saúde de urgência e emergência, farmácias, laboratórios, hospitais veterinários e transporte privado de passageiros, como táxi e aplicativos.

[ad_2]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies