Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês

Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês: A Grande Mídia, seja Impressa ou Online não perdoa. Lê, re-lê e escuta os audios e videos do presidente. Procurando uma virgula que possa fazer com que o leitor seja induzido ao erro. Copia e cola informações do Exterior e ainda tem o prazer de levar os Brasileiros para baixo.

Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês

Porém, quando é para fazer o que trabalho que lhes deveria ser Importante. Alertar e informar… ah ai, o povo Brasileiro está de fato perdido. Por que? Porque a mídia fez com que os brasileiros, neste momento, estarem muito preocupados com o Novo Coronavírus, (é um fato importante sim! merece espaço da mídia, porém) um novo vírus que ataca o sistema respiratório e se espalhou a partir da região de Wuhan, na China, e foi classificado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como emergência internacional.

Números Atuais do Coronavírus

O número de casos confirmados de Covid-19 (Coronavírus), doença provocada pelo novo coronavírus, subiu na China para 59,8 mil, de acordo com o balanço divulgado nesta quinta-feira (13).

Tudo sobre o Novo Coronavirús por especialista. Infectologista SP

Ao todo, 1.368 pessoas morreram por Covid-19, incluindo um caso no território semiautônomo de Hong Kong. Duas mortes foram registradas fora do país: nas Filipinas, em 2 de fevereiro; e no Japão, nesta quinta.

Números relativamente Iguais aqui no Brasil

O que muitos brasileiros não sabem é que o Brasil vive uma epidemia de dengue com números bem parecidos. De 29 de dezembro de 2019 a 25 de janeiro deste ano, foram notificados 57.485 casos prováveis (taxa de incidência de 27,35 casos por 100 mil habitantes) de dengue no país. O dado é do último Boletim Epidemiológico, divulgado pelo Ministério da Saúde agora em fevereiro.

Só que este número é levemente superior ao mesmo período do ano passado e quase o triplo do mesmo período de 2018

Só que este número é levemente superior ao mesmo período do ano passado e quase o triplo do mesmo período de 2018. A situação, que já é preocupante, ainda pode piorar, visto que historicamente o pico da dengue costuma ocorrer no mês de abril, em razão do período chuvoso.

Ministro da Saúde

Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês
Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou em entrevista ao El País que “você tem muito mais chance de morrer de dengue no Brasil, hoje, do que de coronavírus”. A pasta que ele comanda confirma nove óbitos pela doença neste ano e contabiliza 41 ainda em investigação.

“Você tem muito mais chance de morrer de Dengue no Brasil, hoje, do que de coronavírus”

A quantidade de pessoas que morreram de dengue neste ano pode ser bem maior, conforme dados mais atualizados das secretarias estaduais. O Paraná, sozinho, confirma seis óbitos somente na última semana (entre 4 e 10 de fevereiro) — eles ainda não foram contabilizados no boletim do Ministério da Saúde.

Dengue Avança e Assusta

O avanço da dengue tem preocupado gestores municipais, que pedem ao Governo federal e à população que não reduzam a atenção ao enfrentamento do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença, diante do pânico que tem sido gerado com a expansão do coronavírus no mundo.

O que é dengue texto resumido?
O vírus da dengue é um grande problema de saúde pública do país – ainda mais no verão.  Trata-se de uma doença infecciosa causada por um vírus transmitido pelo mosquito Aedes aegypti. Ela não tem tratamento específico, causa sintomas como febre alta e dores no corpo e pode até matar.

O avanço de casos de dengue é comum no início do ano por conta das chuvas, que aumentaram nas últimas semanas. A diferença deste momento é que o país vive um novo surto da doença, algo que historicamente acontece entre dois e três anos por conta da recirculação de novos tipos de vírus, segundo especialistas.

Estados em maior Risco

Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês
Mídia Vacila Novamente e Ignora: Brasil 57,4k de Dengue em um Mês

Os Estados do Acre, do Mato Grosso do Sul e do Paraná são os que têm apresentado maior incidência proporcional da doença. Segundo o último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, esses são os três estados que superaram 100 casos por 100.000 habitantes no país. Desde o início do ano, a pasta vem alertando para a possibilidade de surto em 13 estados.

O que é a dengue e seus sintomas?
A dengue clássica é a forma mais leve da doença, sendo muitas vezes confundida com a gripe. Tem início súbito e os sintomas podem durar de cinco a sete dias, apresentando sinais como: febre alta (39° a 40°C) dor de cabeça.

São Paulo concentra um terço dos casos prováveis de dengue do país em números absolutos. O Estado confirmou 10.890 casos em janeiro, enquanto o Ministério da Saúde contabiliza 18.658 casos prováveis. Várias cidades do estado, como Sorocaba, Lorena e Ribeirão Preto, já decretaram epidemia.

Os principais cuidados para evitar a doença são impedir a formação de poças em casa e limpar reservatórios de água. Além disso, é recomendável que, ao visitar locais de mata, faça-se uso de repelente.

Quais são os tipos de Dengue?

Tipos de Dengue e sua Transmissão

  • Sorotipos.
    • O vírus da Dengue apresenta quatro tipos de sorotipos, são eles:
      • Infecção Inaparente. Na infecção inaparente, a doença praticamente não se manifesta,
      • Dengue Clássica,
        • A dengue clássica é a forma mais leve da doença, sendo muitas vezes confundida com a gripe. Tem início súbito e os sintomas podem durar de cinco a sete dias, apresentando sinais como: febre alta (39° a 40°C) dor de cabeça
      • Dengue Hemorrágica,
          • Os sintomas da dengue hemorrágica são os mesmos sintomas de dengue clássica. A diferença é que a febre diminui ou cessa após o terceiro ou quarto dia da doença e surgem hemorragias em função do sangramento de pequenos vasos na pele e nos órgãos internos. … Sangramento pelo nariz, boca e gengivas.
      • Febre Hemorrágica da Dengue ou Síndrome do Choque da Dengue,
      • Transmissão.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies