Motorista flagrado embriagado segue na Prefeitura

181

Pretérito mais de um mês após ter causado acidente com cinco
carros enquanto dirigia embriagado uma viatura do DET
(Departamento de Engenharia de Tráfego), o motorista da
prefeitura Jairo Sebastião de Lima, 60 anos, ainda segue uma vez que
funcionário da administração de Santo André.

A gestão andreense abriu processo administrativo e o
Departamento de Recursos Humanos irá instaurar uma CI (Comissão
de Inquérito) disciplinar, que irá ouvir todas as testemunhas e
tomará decisão sobre as responsabilidades, aplicando assim a
penalidade que couber, conforme o regimento do funcionalismo
público. Segundo uma das vítimas que teve o sege danificado
André Ygarashi Cardoso de Jesus, 31, até o momento a Prefeitura
ainda não fez contato para manutenção de seu veículo. “Ainda
estou no aguardo. Nos próximos dias devo ir atrás de
informações na Prefeitura”, disse.

Uma vez que Lima ainda está vinculado à Prefeitura de Santo André, ele
continua recebendo salário normalmente. Segundo informações
divulgadas pela administração, um funcionário que estaria
registrado uma vez que motorista recebe salário base de R$ 1.832,55.

No dia 16 de junho, Lima se envolveu em um acidente na Avenida
Mico Leão Dourado, no Recreio da Borda do Campo, na cidade. Com
cinco carros envolvidos, um varão ficou ferido e passou um dia
em observação no CHM (Núcleo Hospitalar Municipal) com
escoriações no peito e nas pernas.

Bafômetro

Visivelmente modificado quando causou as colisões, Lima chegou a
ser ameaçado por moradores do bairro por fingir estar
embriagado. Vestuário que foi confirmado após chegada da PM (Polícia
Militar) com o teste de bafômetro.

Mesmo depois de mais de uma hora para a realização do teste, a
PM informou que no organização do varão havia 0,52 miligramas de
álcool por litro. O máximo tolerável, segundo a lei, é de 0,3
miligramas.

Segundo algumas testemunhas, quando os transeuntes foram
socorrer os passageiros da viatura do DET, foram encontradas
garrafas de cerveja abertas.  

Motorista flagrado embriagado segue na Prefeitura
Avalie esta notícia