Operação Comércio Responsável interdita quatro bares neste fim de semana

Operação Comércio Responsável interdita quatro bares neste fim de semana :

Operação Comércio Responsável interdita quatro bares neste fim de semana


Operação Comércio Responsável interdita quatro bares com funcionamento irregular neste fim de semana

Crédito: Divulgação

A Operação Comércio Responsável, realizada pelas equipes da Prefeitura de Santo André, Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e GCM (Guarda Civil Municipal), com apoio das polícias Militar e Civil, interditou neste fim de semana quatro bares com funcionamento irregular.

Os estabelecimentos também foram autuados e notificados pelo funcionamento em desacordo com decreto municipal, além do procedimento administrativo de interdição. Dois destes bares foram interditados na região central, outro na Vila Suíça e o último no Jardim Alzira Franco.

Neste fim de semana as equipes da Operação Comércio Responsável percorreram mais de 20 bairros e fiscalizaram 82 estabelecimentos comerciais, com 14 ações de orientação, três termos de compromisso assinados, além de quatro notificações e autuações.

“As medidas restritivas são fundamentais para a redução do ritmo de contágio da Covid-19 na cidade. Faço um apelo à nossa gente para que respeitem as restrições. Fiquem em casa, não participem de aglomerações e, se precisarem sair, usem máscara. O momento pede solidariedade e união para controlarmos a doença e mantermos a nossa capacidade de atendimento médico”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Feriado
Com a publicação do decreto municipal na última quinta-feira (25), Santo André antecipou quatro feriados: 8 de abril (Aniversário de Santo André), 21 de abril (Tiradentes), 3 de junho (Corpus Christi) e 9 de julho (Revolução Constitucionalista de 1932). O decreto estabelece ainda que os serviços essenciais devem encerrar as atividades às 17h até o dia 4 de abril.

A Operação Comércio Responsável foi implementada pela Prefeitura de Santo André em março de 2020, logo após o início da pandemia. As ações continuaram a ocorrer mesmo durante os períodos de flexibilização. Durante a fase emergencial as abordagens serão diárias, tanto em centros comerciais, quanto em bairros mais afastados e periféricos.

Só em 2021, até o momento, foram mais de 1.600 locais vistoriados em 55 bairros da cidade. Durante as ações deste ano, as equipes já flagraram 111 aglomerações e 370 locais que funcionavam sem permissão ou fora do horário de funcionamento. Além disso, ocorreram 21 interdições, quase 500 orientações a responsáveis em estabelecimentos, 13 advertências ambientais e 18 autos de infração ambiental (multa) referentes a problemas de poluição sonora. Também foram assinados 41 termos de compromisso.

As denúncias de aglomeração podem ser feitas pelo aplicativo Colab, da Prefeitura de Santo André, ou ainda pelos telefones 153 da GCM e 190 da Polícia Militar. Para denúncias referentes a poluição sonora em estabelecimentos comerciais, o morador pode acionar o Semasa, por meio do site www.semasa.sp.gov.br.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies