Parque Escola terá oficinas de Gastronomia Sustentável

0
152

Banana será o substância da receita
desta quinta-feira (16)

Crédito: PSA

O Brasil desperdiça respeito de 40 milénio toneladas de provisões por
dia, segundo dados da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa
Agropecuária), divulgados em 2016. Para combater esse quadro
ruim e ainda promover a disseminação da importância de hábitos
alimentares saudáveis, o Parque Escola – Escola de Educação
Ambiental Parque Tangará e a Craisa (Companhia Regional de
Provimento Integrado de Santo André) se uniram para fabricar o
projeto “Gastronomia Sustentável e Saudável”.

A iniciativa vai oferecer todo mês uma oficina gratuita com
informações sobre porquê aproveitar integralmente os provisões, a
partir da conscientização da sustentabilidade, com receitas que
ensinam, por exemplo, porquê utilizar talos de verduras, folhas
de legumes, casca de frutas e sementes no preparo de pães,
doces, sobremesas, pratos quentes, saladas e sucos. A primeira
oficina do projeto aconteceu no dia 21 de fevereiro, e ensinou
porquê fazer bolo de abobrinha e suco de inhame com limão.

“Estas oficinas têm porquê objetivo provar as possibilidades
de economia no preparo de uma alimentação saudável, sem
desperdícios, respeitando a natureza, muito porquê o significado
cultural das práticas alimentares. Os provisões têm sabor, cor,
forma, olor e textura e todos esses componentes precisam ser
considerados na abordagem nutricional. Além disso, as receitas
que serão ensinadas poderão ser ótimas para quem procura uma
forma dissemelhante de gerar renda”, disse a coordenadora do
Parque
Escola[1], Sílvia
Morisco.

Na próxima quinta-feira (16), acontece a oficina que vai
ensinar a fazer bolo de banana com casca, suco de quintal e
farofa de talos, das 9h às 11h. É preciso fazer inscrições
antecipadas.

Parque Escola terá oficinas de Gastronomia Sustentável
Avalie esta notícia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here