PMs e GCMs nas ruas para combater roubo e rapina de veículos

PMs e GCMs nas ruas para combater roubo e rapina de veículos
Avalie esta notícia

‘Operação Força Metropolitana’
coloca PMs e GCMs nas ruas para combater roubo e rapina de
veículos

Crédito: Alex Cavanha/PSA

A Polícia Militar, em parceria com a Guarda Social Municipal,
desencadeou na tarde desta quarta-feira (14) a Operação Força
Metropolitana, que ocorreu em todas as regiões da cidade. A
ação envolveu os dois batalhões da região, por meio da Força
Tática, ROCAM e demais forças de policiamento, com o objetivo
de saturar ações criminosas, coibir roubos, furtos e outros
delitos, intensificando rondas, bloqueios a veículos e
abordagens.

A ação foi resultado de um trabalho conjunto de diversas
departamentos em resposta à solicitação de moradores, baseadas
em levantamento do planta do violação pela Polícia e Prefeitura,
consolidadas por meio do trabalho do Comitê Integrado de
Segurança. A Polícia Militar disponibilizou um efetivo de 121
policiais em 54 viaturas, já da GCM andreense representou as
forças policiais do município com 33 agentes em 14 viaturas,
bases móveis e motos.

O major Vlamir Luz Machado, da Polícia Militar, que coordenou a
operação, destaca a integração uma vez que resultado da queda nos
índices de criminalidade. “Com todas as forças policiais
integradas verificamos a queda de todos os indicadores
criminais em Santo André no mês de maio, graças a um
planejamento compartilhado, onde não há sobreposição do
policiamento, e sim, uma verdadeira integração. Nas operações,
a Polícia Social também participa com o setor de inteligência,
seu segmento investigativo e no reforço dos plantões para o
registro das ocorrências”, apontou.

O secretário de Segurança Cidadã, Edson Sardano, frisa que as
operações prosseguem na cidade. “Dialogando, analisando dados e
integrando as ações, podemos traçar diretrizes para a troca de
informações e a realização de um trabalho cada vez mais
efetivo. As operações continuam e vão muito além. A cidade está
ganhando, vendo mais polícia na rua, ficando mais tranquila,
para reduzirmos cada vez mais os índices de criminalidade”,
finaliza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here