Posto de gasolina é escopo de vandalismo e de pilhagem

0
167

Um posto de combustível da Rede Ipiranga, localizado na Rua
Gonçalo Fernandes, no Jardim Bela Vista, em Santo André, foi
escopo de vandalismo. O sítio amanheceu com diversos danos ontem.
A Polícia Social investiga o caso. A situação foi observada pela
manhã, após representante da empresa comparecer ao sítio para
reintegração de posse, já que o Mirone de Santo André
Autoposto sofrera ação de resíduo por infração
contratual. 

Além dos danos, foi verificado que quatro bombas de
combustíveis tinham sido levadas – elas eram utilizadas a
título de comodata. A loja de conveniência estava vazia, com os
vidros quebrados. A área para troca de óleo também foi
vandalizada, com prateleiras e equipamentos destruídos. A
perícia técnica foi acionada.

A ocorrência foi registrada no 1º DP (Núcleo), onde também será
instaurado inquérito para apurar o caso. O proprietário será
chamado para prestar esclarecimentos. Ontem, apesar dos
problemas registrados no sítio, que funciona 24 horas, ele não
compareceu à delegacia. Conforme registro na Junta Mercantil do
Estado de São Paulo, o sócio-proprietário do posto é Fernando
Costa Pereira de Pinho.

Segundo relatos, segurança da Rede Ipiranga passou pelo sítio
na madrugada de ontem, por volta das 2h, e o posto estava
funcionando normalmente. 

Por meio de nota, a Ipiranga esclareceu ter retomado a posse do
imóvel por decisão judicial em virtude de diversas infrações
contratuais praticadas pelo revendedor que operava o
estabelecimento, e informou que tomará as medidas cabíveis para
que o estabelecimento retome as atividades rapidamente.

Posto de gasolina é escopo de vandalismo e de pilhagem
Avalie esta notícia