Prefeito de Ribeirão Pires define reajuste das passagens nos próximos dias

0
124

O prefeito de Ribeirão
Pires, Kiko Teixeira (PSB) deve anunciar na próxima semana o
novo valor da tarifa dos ônibus municipais.  Kiko pode
seguir os demais prefeitos da região que autorizaram o reajuste
de até R$ 4,20. Em novembro, o então prefeito Saulo Benevides
(PMDB) autorizou um aumento na passagem, passando dos R$ 3,50
para R$ 3,80.

Segundo a assessoria de prelo da Prefeitura, a Administração
discutirá a questão do reajuste da tarifa de ônibus (linhas
municipais) com as demais prefeituras da região. A expectativa
é que o alinhamento desta questão seja feito nos próximos dias.

Em Santo André, o valor da passagem de ônibus aumentou R$
0,40. O bilhete subiu de R$ 3,80 para R$ 4,20. São Caetano
do Sul autorizou o reajuste para R$ 4,10. Em Mauá, o prefeito
Atila Jacomussi (PSB) revogou o Decreto que autorizava a
majoração da tarifa e cobrou da concessionária as planilhas de
custos, para só depois, anunciar os novos valores das
passagens. Rio Grande da Serra, ainda não se posicionou sobre o
tema. 

Galeria Metropolitano ABD – Concessionária
Metra

A tarifa das 13 linhas que operam no Galeria Metropolitano ABD
(São Mateus  – Jabaquara) e sua extensão Diadema – São
Paulo (Morumbi) passa a ser de R$ 4,30.

A partir de 08 de janeiro, entre as linhas dos sistemas
municipal e metropolitano com o Galeria ABD, nos Terminais
Piraporinha e Diadema será cobrada tarifa de integração no
valor de R$ 1,00, cumprindo as cláusulas contratuais referentes
à execução dos serviços de substituição, vigiação,
manutenção preventiva e corretiva da rede aérea de alimentação
dos trólebus. No Terminal São Mateus a medida passa a vigorar a
partir de 15/01/2017. 

Manifestação:

Em 2013, Ribeirão Pires teve a maior manifestação popular já
vista na cidade. Grupos organizados saíram às ruas para expor
“não” ao reajuste das tarifas das linhas municipais. O evento
reuniu pelo menos duas milénio pessoas, quando munidos de cartazes,
rostos pintados e pedindo melhores condições na área da saúde,
no transporte e na Administração pararam a região médio da
cidade. Na época o reajuste foi cancelado. Em 2015, a Estância
recebeu novidade manifestação popular contra o reajuste das
tarifas, porém menor, acarretando no aumento.

Manancial: Redação
Foto: Registro Folha/Manifestação em Ribeirão Pires 2013

 

Prefeito de Ribeirão Pires define reajuste das passagens nos próximos dias
Avalie esta notícia