Prefeitura amplia estrutura de atendimento para cadastro do Cartão Prioridade

Crédito: Ricardo Trida/PSA
Para proporcionar atendimento mais ágil aos idosos que estão procurando o saguão do Teatro Municipal para cadastro no Cartão Prioridade, a Prefeitura de Santo André ampliará a estrutura de atendimento a partir desta quarta-feira (14). Com a medida, o número de atendentes passará de 12 para 17 e serão instaladas mais impressoras para agilizar a emissão dos cartões. Lançado no dia 2 de março, o Cartão Prioridade permite que usuários de ônibus com mais de 65 anos entrem pela porta da frente dos veículos, o que facilita o embarque e garante conforto, comodidade e dignidade a este público.O lançamento do Cartão Prioridade faz parte da campanha “Pela Porta da Frente”, promovida pela Prefeitura, por meio da SATrans, em parceria com a AESA (Associação das Empresas do Sistema de Transporte de Santo André). De acordo com o último levantamento feito pela AESA, até a última segunda-feira (12) foram emitidos 3.150 cartões.O cadastro no saguão do Teatro Municipal ocorrerá até 6 de abril, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. A emissão dos cartões, no entanto, não será interrompida após esta data. A partir de 9 de abril, os munícipes poderão obter o cartão na AESA, localizada na avenida Industrial, 600, e que funciona de segunda a sexta, das 8h às 18h. Não há, portanto, urgência na emissão do documento. A obtenção do Cartão Prioridade não é obrigatória, mas sim um benefício oferecido aos idosos com objetivo de facilitar o embarque. Quem tem mais de 65 anos e não tiver interesse em obter o cartão, poderá continuar entrando normalmente pela porta de trás dos ônibus, apresentando o RG ao motorista.“O sistema que funcionava anteriormente trazia desconforto, não era digno e causava acidentes com nossos idosos. Com o lançamento deste cartão, a melhor idade tem a partir de agora um tratamento diferente na nossa cidade, com mais respeito e com o valor que deve ser dado a este público. Esta melhoria faz parte de um conjunto de medidas que estamos tomando para mudar e melhorar a qualidade do transporte público, além de poder mensurar a quantidade de idosos que utilizam o nosso sistema”, afirmou o prefeito Paulo Serra.Para efetivar o cadastro e o acesso ao Cartão Prioridade, que é emitido na hora e gratuitamente, o usuário de ônibus com mais de 65 anos deve apresentar CPF, documento com foto e comprovante recente de residência (conta de água, luz ou telefone) emitido nos últimos três meses e em seu nome. Depois deste cadastro, basta o idoso passar o Cartão Prioridade no leitor da catraca e fazer o reconhecimento biométrico para liberar sua passagem, sem a cobrança de tarifa. O cartão Melhor Idade, que já existe e oferece gratuidade para usuários entre 60 e 65 anos, continuará funcionando e sendo emitido normalmente.

Aguardando palavras...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais