Prefeitura de Santo André conclui negociação para quitar R$ 3,8 milhões

3fda969615ea09865f63d05884a05fd6.jpeg

Com acordo, administração organiza cronograma para quitação de dívida com a concessionária deixada por gestões anteriores
Crédito: Alex Cavanha/PSA
A Prefeitura de Santo André concluiu mais uma negociação referente aos restos a pagar de exercícios anteriores (de 2012 a 2016). Desta vez, o Executivo conseguiu fechar e assinar o plano de pagamento parcelado de R$ 3,8 milhões para a AES Eletropaulo, companhia de distribuição de energia. O débito trata de mais de 9 mil contas individuais, entre 2012 e 2016, de vários imóveis da Prefeitura, entre eles, o prédio localizado no Paço Municipal, que não haviam sido quitadas.A negociação foi feita fora do decreto 16.904/17, que convocava credores de restos a pagar para efetivação de acordo, por se tratar de concessionária e serviço essencial ao funcionamento dos órgãos públicos. Para conseguir chegar a um acerto, a Secretaria de Gestão Financeira abriu um diálogo com a companhia em abril deste ano e iniciou auditoria nas contas de restos a pagar. Com o levantamento, constataram, além do valor procedente para pagamento, a dívida ativa fiscal, que a Eletropaulo possuía com o Executivo andreense. Dessa forma foi feito o encontro de contas e foi abatido parte da dívida reconhecida pela Eletropaulo, sendo o saldo parcelado em 13 vezes, com início de pagamento em dezembro de 2017.

Aguardando palavras...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais