Prefeitura realiza ato de desagravo em seguida secretária de Saúde ser agredida

159

Prefeitura realiza ato de desagravo
após secretária de Saúde ser agredida na Câmara

Crédito: Ricardo Trida/PSA

A Prefeitura de Santo André promoveu na tarde desta
quinta-feira (24) um ato de desagravo à secretária de Saúde,
Ana Paula Peña Dias, por conta da agressão sofrida por ela
durante audiência realizada no período da manhã, na Câmara
Municipal. A secretária foi convidada a comparecer à Mansão de
Leis para prestar esclarecimentos aos vereadores sobre o
programa Qualisaúde, quando foi intimidada e colocada em risco
por conta da falta de segurança no sítio. O programa prevê,
entre outras iniciativas, a modernização de unidades de saúde
da cidade.

O tumulto começou tapume  de 20 minutos após o início da
reunião entre Ana Paula e 14 vereadores, que ocorreu no
Plenarinho (espaço da Câmara reservado a reuniões).
Manifestantes, incitados pelo vereador Willians Bezerra,
ofenderam a secretária com diversos xingamentos e começaram a
chutar a porta e as paredes do espaço. O parlamentar bateu
violentamente seguidas vezes na porta e incentivou o grupo a
invadir o sítio, fazendo com que os parlamentares e a
secretária temessem pela integridade física. O tumulto ocorreu
mesmo após a secretária ter solicitado que o presidente da
Câmara, Almir Cicote, tomasse uma atitude para fechar a
confusão.

“Eu sou neurologista, poderia retomar minha vida, atendendo
confortável no meu consultório e lecionando na faculdade de
medicina. Eu não sou política, mas aceitei o invitação do
prefeito e acredito nesse projeto, então não vou parar meu
trabalho, em nome das pessoas que fazem secção da minha equipe,
que estão do meu lado e em nome da luta para que a mulher ocupe
cada vez mais o lugar que ela quiser”, afirmou a secretária de
Saúde, muito emocionada.

Ana Paula diz que durante a reunião foi “agredida fisicamente e
moralmente” e por esse motivo registrou boletim de ocorrência
no 4º DP (Região Policial) de Santo André. A secretária
relatou que, na saída da Câmara, enquanto se dirigia ao sítio
de estacionamento do seu veículo, foi agredida com puxões de
cabelos e chutes pelos manifestantes. 

A agressão foi considerada pelo governo uma violência contra a
mulher, uma vez que não foi questionado o projeto do Executivo,
mas sim a moral e integridade da secretária, enquanto ela
estava trabalhando. “Hoje foi um dia muito triste para Santo
André. É de se lamentar que um sítio, onde deveria fabricar e
empregar as leis tenha servido de palco para descumprir uma lei.
Violência contra a mulher é grave, muito grave. É difícil de
crer que isso tenha realizado numa morada de leis num
município do tamanho do nosso”, declarou o prefeito Paulo
Serra.

Durante o ato, que reuniu tapume de 300 pessoas, Maria Aparecida
Ribeiro Benetti, que trabalha na prefeitura e participou da
ação em solidariedade, repudiou a violência ocorrida na Câmara.
“O trajo de ela ter comparecido a reunião demonstra
responsabilidade e coragem. Infelizmente, algumas pessoas
julgam que as mulheres são frágeis e querem intimidá-las e
outras não têm educação e não criticam com conhecimento no
ponto, mas sim, vão exclusivamente ofender os outros a mando de
vereador”.

Programa – O Qualisaúde é um programa inovador que vai
reorganizar toda a rede de saúde em Santo André. Nos últimos
anos, a população tem sofrido com péssimo atendimento, falta de
medicamentos, falta de estrutura, meses e anos para fazer
exames, consultas e cirurgias. A Prefeitura vai realizar amplas
obras de adequação, ampliação e modernização nas unidades de
saúde. Além disso, terá mudanças no processo de atendimento,
qualificação dos profissionais, humanização, saudação às
pessoas e um completo sistema do dedo e informatizado de
controle em todas as unidades. O programa vai medir a qualidade
dos serviços ofertados em cada equipamento de forma individual,
com selos de qualidade, e com isso estimular maior envolvimento
dos profissionais, impulsionar a eficiência na aplicação dos
recursos e, o mais importante, melhorar a vida do andreense.

Prefeitura realiza ato de desagravo em seguida secretária de Saúde ser agredida
Avalie esta notícia