Prestação de serviço dita sarau de 464 anos em Santo André

0
184

 No aniversário de 464 anos de Santo André, festejado
ontem, a prestação de serviço ditou o ritmo da celebração, que
levou centenas de moradores a equipamentos e espaços públicos
do município. Entre os destaques esteve a primeira edição
do mutirão de consultas e exames do Programa Saúde Fileira Zero,
que pretende ultimar com a grande demanda. Tapume de 5.200
pessoas que aguardavam o agendamento de procedimentos
compareceram a três unidades de Saúde.

A aposentada Lucia de Almeida Souza, 78 anos, que aguardava
desde 2014 por consulta com neurologista, foi uma das moradoras
que marcou presença no primeiro dia do mutirão. “Quando recebi
a ligação pensei até que fosse trote. Já tinha perdido a
esperança de passar em consulta. Fiquei tão feliz quando
percebi que era verdade.”

A paciente, que sofreu há três anos um derrame cerebral,
aproveitou a oportunidade para retomar seu tratamento com o
perito, despovoado desde então. “Porquê não tenho convênio
fiquei esperando o agendamento e pegando receita com o clínico
universal. Agora o doutor já pediu para fazer fisioterapia e viu
meus novos medicamentos”, afirma.

O mutirão também foi recebido porquê um presente pelo parelha Maria
de Fátima, 64, e José Lopes Rebento, 68. “Há três anos meu marido
tem sofrido convulsão três vezes por mês. Cada dia que contrato é
uma agonia, pois não sabemos o que vai ocorrer. Quando nos
avisaram da consulta foi uma alegria tremenda. Quem sabe agora
não chega o término desse sofrimento”, relata Maria.

Em parceria com o Estado, o município também recebeu em seu
aniversário a carreta da mamografia do programa Mulheres de
Peito, estacionada na Praça do Carmo. Além disso, a maratona da
sarau teve muita diversão e esporte no Parque Celso Daniel com
o Educação em Movimento, torneio de basquete no Parque
Pignatari e eventos culturais.

Para o prefeito Paulo Serra (PSDB), a presença massiva dos
moradores em equipamentos da cidade na data marca a retomada de
confiança da população com o poder público. “Ainda estamos
muito longe do que queremos para a cidade, mas é gratificante
ver os moradores ocupando mais uma vez os espaços públicos.
Isso mostra que estamos no caminho evidente . Esses eventos do
aniversário da cidade mostraram isso”.

A comemoração ainda foi marcada pelo trabalho de equipes da
Prefeitura na demolição da ponte que cedeu na Avenida dos
Estados na sexta-feira. Iniciado ainda pela manhã, a retirada
da estrutura foi concluída ontem no término tarde. O serviço para
remoção de entulho segue entre hoje e amanhã para que,
posteriormente, funcionários iniciem a construção de novidade
estrutura no sítio. Não há prazo para conclusão do serviço,
segundo o prefeito Paulo Serra. “Nós vamos agir com rapidez,
não dá para permanecer com duas pontes (fechadas). Já estamos
pensando em alternativas para a ponte da Prefeito Saladino (que
cedeu em janeiro). Mas a teoria é concluir o trabalho o mais
rápido possível”, declarou.

Paralelo a isso, o DET (Departamento de Engenharia de Tráfego)
também empenha esforços para concluir, até terça-feira, a
construção de novo aproximação que permanecerá localizado no canteiro
meão próximo à ponte que leva à Avenida Antonio Cardoso,
exclusivamente para trólebus e ônibus. Motoristas, por sua vez,
estão sendo orientados a fazer retorno na ponte que dá aproximação à
Rua Caraguatatuba, próxima à ingresso da Rhodia.

Para completar a sarau, a Prefeitura disponibiliza hoje
programação cultural em diversos espaços públicos da cidade com
o Viva nos Parques, Viva Santo André. O evento promoverá
atividades nas áreas verdes do município. A programação ainda
conta com a reabertura da Sabina Escola Parque do Conhecimento,
às 9h, e a edição da Color Run, corrida que une esporte e
lazer, com largada do Paço.

Prestação de serviço dita sarau de 464 anos em Santo André
Avalie esta notícia
Compartilhar