Programa que incentiva a instrução músico estará em SP até novembro

139

Programa que incentiva a educação musical estará em SP até novembro

 

Chega a São Paulo o “Brasil de Tuhu”, programa que promove a educação musical por meio de concertos didáticos para crianças entre 6 e 12 anos de idade, além da qualificação e certificação de educadores em musicalização infantil. Santos, Guarujá e Santo André serão as cidades paulistas contempladas pela iniciativa. Entre 24 e 27 de setembro, serão realizados os concertos em escolas públicas e, nos dias 8 e 9 de novembro, as oficinas de capacitação em educação musical. Os educadores que tiverem interesse na certificação deverão se inscrever, a partir de 12 de outubro, no site do programa (http://brasildetuhu.com.br/vivencias. As vagas são limitadas!Agenda Concertos Didáticos:Santos:24/09 (às 10h – Escola Núcleo Criativa  – Rua São Roque s/n Vila Progresso – Santos)24/09 (às 14h – Escola UME Carmelita – Avenida Professor Aristóteles Menezes 11, Bairro Ponta da Praia – Santos)Guarujá:25/09 (às 9h30 – Escola Municipal Vereador Afonso Nunes -Rua Rui Barbosa, 365 – Parque Estuário  – Guarujá)25/09 (às 14h – Escola MunicipalPresidente Franklin Delano Roosevelt – Avenida Adriano Dias dos Santos, 500 – Jardim Boa – Guarujá)Santo André:26/09 (às 10h e às 14h – E.M.E.I.E.F.Augusto Boal – Avenida Ayrton Senna, s/nº – Capuava  Franco – Santo André)27/09 (às 10h e às 14h – E.M.E.I.E.F. Maria Cecília Dezan Rocha – Avenida Nova Iorque, s/nº – Utinga – Santo André)Sobre o Brasil de TuhuO “Brasil de Tuhu” completa dez anos em 2018 e comemora com uma turnê em seis estados brasileiros: Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Bahia, Pernambuco, Pará e São Paulo. No totalidade, serão realizados 52 concertos didáticos para dez milénio crianças, em 28 escolas públicas do país, podendo capacitar até dois milénio educadores. Desenvolvido mormente para crianças de 6 a 12 ano de idade, o roteiro do programa é fundamentado no antológico ‘Guia Prático’ (1932), de Heitor Villa-Lobos. Carla Rincón, violinista venezuelana e diretora pedagógica do programa, lidera o quarteto que conta, também, com três jovens musicistas: Chiara Pinnola, 23 anos, no segundo violino, Gabriel Vailant, 22 anos, na viola e Matias Roque, 23 anos, no violoncelo.Costurado pelo compositor, arranjador e responsável teatral Tim Rescala (responsável, entre outras, pelas trilhas sonoras das minisséries Hoje é Dia de Maria, Capitu e Sítio do Picapau Amarelo), o roteiro ganha ainda mais charme com a participação da atriz, bailarina e cantora Patrícia Costa e do boneco Tuhu. Juntos, de forma lúdica e divertida, eles ensinam noções sobre os elementos da música (ritmo, melodia e simetria) e apresentam os instrumentos que compõem um quarteto de cordas. “O espetáculo foi pensado para favorecer a interação com a plateia infantil, que sempre se encanta com as músicas que o quarteto leva às escola”, explica Carla. “O resultado é um concerto apaixonante que colabora com o nosso objetivo de ampliar e fortalecer a instrução músico no país”, conclui.Posteriormente os concertos, os alunos participantes recebem o gibi “O Brasil de Tuhu”, com história e jogos de musicalização. Outrossim, o programa segue através dos educadores capacitados que, adicionalmente recebem um kit com materiais pedagógicos de musicalização exclusivos, porquê as guias didáticas, CD Brasil de Tuhu – Volume I, DVD  com videoaulas e podcasts, entre outros. “A música é uma importante ferramenta de transformação individual e coletiva. Acreditamos que a educação musical nas escolas é essencial para estimular e aprimorar a sensibilidade das crianças, sociabilização, concentração e aprendizagem”, afirma Paula Sued, sócia e diretora de projeto da Baluarte Cultura, realizadora do programa em parceira com Carla Rincón.Realizado pela Baluarte Cultura em parceria e com direção pedagógica de Carla Rincón, o Brasil de Tuhu é mantido pela Wilson Sons e pelo Governo Federalista, através da Lei Federalista de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura (Rouanet), patrocínio da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, copatrocínio da Schlumberger e espeque da Westerngeco, Morada do Porvir, Gitec, através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (ISS).Em nove edições foram alcançados 29.855 alunos e professores de 219 escolas públicas, distribuídas por 40 municípios de 13 estados brasileiros – Piauí, Acre, Mato Grosso, Ceará, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Rio de Janeiro, Bahia, Pernambuco, São Paulo, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Pará. Com a realização de diversas ações presencias e digitais com o intuito de contribuir para a ampliação da instrução músico no país, o programa proporciona além dos Concertos Didáticos, a Vivência Músico para educadores, o aplicativo Tuhu Músico com jogos educativos para crianças de 2 a 6 anos, o CD Brasil de Tuhu – vol. 1, a Rádio Tuhu com podcasts temáticos, as videoaulas com grandes instrumentistas, a Revista Tuhu onde debatemos importantes aspectos da instrução músico, a guia didática Brincando de Música com Tuhu – uma instrumento de espeque a educadores com referências de exercícios para a prática de musicalização em sala de lição e o mapeamento pátrio com um compilado de dados sobre o quadro da instrução músico brasileira e promoção do intercâmbio de iniciativas.

Brasil de Tuhu que realiza concertos didáticos em escolas públicas, estará em Santo André na próxima semana.Chega a São Paulo o “Brasil de Tuhu”, programa que promove a educação musical por meio de concertos didáticos para crianças entre 6 e 12 anos de idade, além da qualificação e certificação de educadores em musical

Tudo Sobre a cidade de Santo André

Ou leia mais sobre todas as 7 cidades do Grande ABC Paulista.

 

Programa que incentiva a instrução músico estará em SP até novembro
Avalie esta notícia