PSB já vislumbra congestionamento de candidaturas à Câmara

175

O PSB de Santo André deve escolher hoje o novo presidente da
e o processo de decisão está influenciado por possível
congestionamento de candidaturas para o ano que vem. Além do
vereador Almir Cicote, que preside a Câmara, o ex-prefeito
Aidan Ravin e o ex-vereador José Ricardo também manifestaram o
libido de se candidatar em 2018.

Na visão do atual mandatário do partido no município, Donay
Neto, há espaço para três postulações em Santo André. “São
diferentes nomes, com potencial para prometer mais de 30 milénio
votos e para a tarefa do ano que vem de ter o Márcio França
(vice-governador) porquê candidato a governador. Será
fundamental”, explicou o dirigente, que acredita ser possível
lançar dois nomes para deputado estadual e um para federalista.

Já para Almir Cicote, a legenda deve comportar duas
candidaturas em 2018. “Para deputado estamos tranquilos, pois o
partido já definiu que há espaço para duas vagas pelo PSB. No
ponto de vista partidário queremos edificar com grandes nomes
e, nas cidades que comportar duas ou até mais candidaturas, a
não vai impedir. Estamos em um processo de construção no
Estado”, defendeu.

Entre os possíveis postulantes ao comando do diretório
municipal estão os suplentes de vereador Jorge Kina e Marcos da
Farmácia, além de Almir Cicote. “Para o missão é importante ter
alguma participação política na cidade ou ter sido candidato a
vereador no ano pretérito. Já estou faz quatro anos porquê
presidente e entendo que é hora de renovar e fazer a mudança”,
ponderou Donay.

No sábado, o ex-prefeito Aidan Ravin participou da convenção
municipal do PSB e teria mostrado disposição para um projeto
político em 2018. Na ocasião, o partido escolheu 30 integrantes
para o diretório municipal e serão esses nomes os responsáveis
pela definição da novidade executiva municipal.
 

PSB já vislumbra congestionamento de candidaturas à Câmara
Avalie esta notícia