Ramalhão encara o Tigre no Brunão

14

Ramalhão encara o Tigre no Brunão

Há um ano e meio, Santo André e São Bernardo jogavam pela escol do Campeonato Paulista – vitória do Tigre por 1 a 0, em pleno Bruno Daniel. Hoje, em veras muito diferentes e atravessando grave crise financeira, os rivais voltam a se encontrar, desta vez pela Despensa Paulista. O palco do clássico outra vez será o estádio andreense e o confronto começa às 15h.
Entusiasmado depois início promissor, com uma vitória sobre o Chuva Santa (3 a 0) e um empate contra o Taubaté (1 a 1), o Santo André quer fazer valer o fator vivenda para levar o clássico. “Vai ser mais um jogo difícil. Tenho certeza disso. Mais uma guerra que teremos pela frente e precisamos jogar. Esperamos com a nossa união conseguir mais uma vitória”, afirmou o técnico do Ramalhão, José Carlos Palhavam.
O treinador vai manter o time da última partida, contra o Taubaté, com Nathan e Frank nas vagas de Matheus Santiago e David Ribeiro, que foram para o futebol da Turquia.
Para o São Bernardo, vencer o clássico significa provar que a semana inteira para trabalhar foi positiva no intuito de sanar as falhas apresentadas na guia para o Taubaté, na estreia. “Erramos muitos passes, principalmente o penúltimo para conseguir as tabelas. Com isso, foi criada instabilidade ofensiva. Então, essa semana cheia foi importante para a gente corrigir os erros que tivemos. Conseguimos trabalhar estratégias para fazer bom jogo, que será difícil, na casa do adversário”, salientou o técnico Wilson Júnior. “A equipe trabalhou bem, focada. Sabemos das dificuldades, mas estamos preparados.”
Ainda segundo o treinador, existem os dois lados da moeda nesta situação de um time ter folgado e o outro jogado na rodada de meio de semana. “Ao atuar na quarta (feira), o tempo de recuperação é menor, mas, o mesmo tempo, ganha-se ritmo, o que é ótimo”, ponderou Wilson Júnior.

Veja nossos destaques!!!

Ou assista nossos vídeos sobre saúde e mantenha-se informado.

Ramalhão encara o Tigre no Brunão
Avalie esta notícia