Rossio na Rua Lord Cochrane tira sossego de moradores

Rossio na Rua Lord Cochrane tira sossego de moradores
Avalie esta notícia

Há três meses, a tranquilidade de quem mora na Rua Lord
Cochrane, no bairro Santa Teresinha, em Santo André, diminuiu
consideravelmente. À noite, a Praça Samuel de Castro Neves,
localizada no endereço, é tomada por fogueiras, drogas e
álcool. Devido ao insensível, madeiras são levadas e queimadas no
espaço de lazer. Ao longo da área verdejante são diversas as marcas
de focos de fogueiras, além de garrafas de bebida alcoólica
espalhadas. Os moradores citaram que a liberdade foi retirada
devido ao problema.

“As crianças não têm onde distrair. Ninguém resolve, o pessoal
fica usando drogas e bebidas. De uma certa forma incomoda
porque tira a liberdade e, além disso, estão estragando
patrimônio público”, relata o corretor de imóveis Jonas Luiz
França, 54 anos. Ainda segundo ele, o lugar foi reformado há
tapume de dois anos, fator que ainda pretexto mais revolta aos
vizinhos, assim uma vez que o horário da perturbação. “Todo mundo que
mora próximo ao lugar fica incomodado. Eles fazem isso, mas não
tem hora. Pode ser 20h, 21h, 0h, não importa”, desabafa.

O zelador Aílton Ferreira da Silva, 54, reclama que o
transtorno ocorre todos os dias. Por isso, ele considera ser
difícil trespassar de moradia à noite. “O pessoal labareda a GCM (Guarda
Social Municipal), a polícia, e não aparece ninguém. Moro cá
há quase 30 anos e é a primeira vez que fazem isso”, diz.

A Prefeitura informou não ter recebido solicitação a reverência
do problema nos últimos meses. No entanto, afirma que fará
rondas com guardas municipais para coibir os atos apontados. Em
nota, a PM (Polícia Militar) afirmou que não há formalização de
nenhuma ocorrência no lugar, e que o espaço está inserido no
“Cartão de Prioridade de Patrulhamento”. Diz ainda que as ações
de policiamento serão intensificadas diuturnamente.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here