Santo André ganha novo ambiente para desenvolver a Indústria 4.0

Santo André ganha novo ambiente para desenvolver a Indústria 4.0 :

Santo André ganha novo ambiente para desenvolver a Indústria 4.0

[ad_1]

Crédito: Divulgação

A Universidade Federal do ABC (UFABC), em parceria com o Parque Tecnológico de Santo André, irá disponibilizar estrutura para as empresas desenvolverem seus processos industriais com tecnologias de Indústria 4.0.

A iniciativa será divulgada nesta quarta-feira (28), às 9h, em um workshop online e gratuito para discutir os benefícios e implicações da Indústria 4.0 e apresentar o Smart Testbed UFABC, que oferecerá às empresas industriais um ambiente para capacitação, desenvolvimento de testes de conceito e prototipagem vinculados às tecnologias da Indústria 4.0.

Para realizar a inscrição para participar do workshop, basta acessar o site https://www.sympla.com.br

O Smart Testbed UFABC vem sendo desenvolvido desde 2019, com o apoio da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), e atua como uma “fábrica inteligente”, com a aplicação das tecnologias de Manufatura Aditiva, Digital Twin, Simulação, IoT (Internet das Coisas), Robô Colaborativo, Sistema de Visão, Realidade Virtual, RFID (Rastreabilidade) e MES (Manufacturing Execution System).

De acordo com o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato, não só a cidade, mas também a região poderá se fortalecer industrialmente com a iniciativa.

“Segundo a Fundação Seade, praticamente 21,3% do PIB de Santo André vem da indústria. Isso é quase o dobro da média brasileira que vem sofrendo forte processo de desindustrialização. Estamos certos que Santo André e a nossa região podem aumentar ainda mais seu protagonismo industrial com a inserção definitiva na era da Indústria 4.0″, afirmou o secretário Evandro Banzato.

A iniciativa também tem como parceiros o Itescs (Instituto de Tecnologia de Santo André), Coalização Digital ABC, a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva, Associação de Engenheiros Brasil-Alemanha, SAE Brasil e a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Universidade Federal do ABC.

“A fantástica iniciativa da UFABC, na figura de seus professores Ugo Ibusuki e Franciane Silveira, com apoio da ABDI e do Parque Tecnológico de Santo André coloca para os empresários industriais da nossa região um caminho facilitado para entender e adotar novas tecnologias que vão ajudá-los a ter seus processos mais eficientes, competitivos e melhor preparados para competir globalmente”, complementou Banzato.

[ad_2]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Política de Privacidade e Cookies