Santo André quer aumentar a cobertura da Estratégia Saúde da Família

0
130

Santo André quer aumento da
cobertura da Estratégia Saúde da Família

Crédito: Ricardo Trida/PSA

Desde o início da atual gestão, o prefeito Paulo Serra tem
vistoriado diversos equipamentos de Saúde do município com o
objetivo de saber a verdade de cada lugar e identificar as
possíveis melhorias a serem feitas. Na manhã desta quarta-feira
(29), o director do Executivo esteve na USF (Unidade Saúde da
Família) Jd. Sorocaba, escoltado da secretária de Saúde, Ana
Paula Peña Dias, para saber o espaço e estimar o aumento da
cobertura da Estratégia Saúde da Família (ESF) não só na
unidade, porquê em todo o município. O planejamento da Pasta é,
neste ano, ampliar a atuação do programa para 35% de cobertura
e 68 equipes. Em 2018, para 50% de cobertura e 98 equipes, em
2019, para 70% e 138 equipes e em 2020, chegar a 85% de
cobertura e 168 equipes.

“Possuímos uma cobertura da Estratégia Saúde da Família de
exclusivamente 25% no município, queremos ampliar essa porcentagem.
Exemplo disso, é o estudo que estamos fazendo de instalar no
prédio da Rua Coronel Agenor de Camargo uma unidade dentro
desse programa. Segundo as diretrizes do Ministério da Saúde,
as instalações dos equipamentos da rede de urgência e
emergência não ficam da maneira mais adequada estando muito
próximos uns dos outros e com a ampliação da Saúde da Família e
toda a alteração dessa utilização do equipamento de saúde
daremos uma utilidade e atenção melhor à população, num lugar
que hoje está ocioso”, comentou a secretária de Saúde. No caso
da unidade vistoriada, duas equipes de ESF, com 12 agentes no
totalidade, atendem murado de 10 milénio pessoas e está sobrecarregada. A
teoria é inserir pelo menos mais uma equipe para atendimento da
área.

Outra mudança possível para o equipamento é a instalação de um
consultório odontológico para atender as demandas da região e
desafogar os atendimentos das unidades próximas, porquê a do Pq.
João Ramalho. “Pensamos em instalar a sala onde hoje funciona a
farmácia, que por sua vez, irá para a área frontal do espaço,
assim os pacientes poderão retirar medicamentos sem ter que
galgar a unidade”, completou. Em média, a USF Jd. Sorocaba
atende mensalmente 10.800 pessoas, sendo a maior segmento, 6.500,
para retirada de medicamentos na farmácia.

Santo André quer aumentar a cobertura da Estratégia Saúde da Família
Avalie esta notícia