Traumatismo tira Cicinho de pelo menos mais um jogo

0
161

Além de perder o jogo por 4 a 1 para o São Paulo, domingo, no
Morumbi, o Santo André contabilizou outro revés significativo
para a sequência do Campeonato Paulista. O lateral-direito
Cicinho, um dos jogadores mais importantes do elenco, deixou o
gramado logo aos quatro minutos do primeiro tempo por conta de
lesão no músculo ulterior da coxa esquerda e ainda não sabe
quando poderá retornar aos gramados.

Cicinho estava voltando ao time justamente diante do São Paulo.
Ele havia ficado de fora de três rodadas do Estadual por conta
de lesão no músculo adutor – sofrida na guião (1 a 0) para o
Criciúma, pela Despensa do Brasil – e foi para o sacrifício.

“Foi uma lesão dissemelhante da primeira, inclusive o lado. Ele
iniciou a reabilitação imediatamente após a partida. Vamos
esperar 36 horas para ver uma vez que o músculo se comporta e depois
fazer ultrassom para entender qual é a sisudez. Não dá para
dar prazo, mas posso asseverar que ele está fora da próxima
partida”, explicou Fávio Novi, médico do clube, citando o
confronto com o Botafogo, sábado, às 15h, no Bruno Daniel.

Cicinho é o único jogador entregue ao departamento médico. O
goleiro Diego está treinando normalmente com o grupo. Já o meia
Helton Luiz e o atacante Siloé estão descartados do restante da
competição e, inclusive, podem furar duas vagas para
contratações.

Hoje, às 14h30, antes do treino, os jogadores serão submetidos
a teste da pisada, muito geral no atletismo. A teoria é observar
qual lado da vegetal do pé toca o chão primeiro e se há
indicação de palmilha para emendar o movimento. O procedimento
é realizado pelos quatro times grandes de São Paulo.

Traumatismo tira Cicinho de pelo menos mais um jogo
Avalie esta notícia
Compartilhar