Vampeta celebra boicote de são-paulinos em Barueri: “Para nós, foi bom”

0
94

Eterno desafeto do São Paulo, Vampeta está tendo um domingo
perfeito. O ex-jogador e presidente do Grêmio Osasco Audax
comemora a vitória por 4 a 2 sobre o Tricolor na Arena Barueri.
Ele ainda se diz satisfeito com o resultado de sua política de
ingressos caros: a
torcida são-paulina promoveu um boicote, e menos de três mil
pessoas estiveram no estádio[1].

"Eu não posso promover a torcida adversária para ir torcer
contra o meu clube. Eu prefiro ter cotas e estar na Série A do
ano que vem do que ter uma renda de emergência", explica
Vampeta na rádio Jovem Pan, valorizando os pontos
conquistados pelo Audax em detrimento da verba que o
estádio cheio renderia.

O ex-corintiano ainda dá a entender que a estratégia de
aumentar os preços tinha como objetivo justamente diminuir o
público. "A gente sabe a força das organizadas (na
arquibancada). Se elas fossem, iriam incentivar. Faz a
diferença a torcida. Então para nós foi bom (o boicote)",
afirma o presidente do Audax.

Vampeta frequentemente se envolve em polêmica com o São Paulo.
Desde que cunhou o termo "Bambi" de forma pejorativa, o
ex-jogador virou desafeto dos tricolores e não se importa de
alimentar a rivalidade. Ainda assim, ele argumenta que não fez
nada demais ao estabelecer preço de R$ 100 por uma entrada na
partida.

"Pena que a torcida não foi. Independente de eu ter sido atleta
do Corinthians, o preço dos ingressos foi totalmente justo, eu
não fiz sacanagem. Não é que o ingresso era R$ 20 e virou R$
100. Daqui para frente, a gente tem que monitorar, por exemplo,
em Novo Horizonte. O São Paulo vai jogar lá, e vamos ver quanto
vai custar o ingresso. E tem outra: se o São Paulo bota o
ingresso no Morumbi a R$ 20 e lotar, então eu até ajudei o São
Paulo", completa Vampeta.

A expectativa era que a partida na Arena Barueri atraísse muita
torcida, pois foi a estreia do agora técnico Rogério Ceni em um
jogo oficial do São Paulo. Mas o preço salgado deixou
principalmente as torcidas organizadas inconformadas. Assim,
ganhou força entre os tricolores um boicote à partida com a
intenção de não contribuir para a renda a ser embolsada pelo
clube de Vampeta. Neste domingo, 2.219 pessoas acompanharam o
jogo, com renda aproximada de R$ 102 mil.

Vampeta celebra boicote de são-paulinos em Barueri: “Para nós, foi bom”
Avalie esta notícia