Dor de Cabeça: Médico ou Farmácia? O que realmente Resolve?: Se sua dor de Cabeça é de Repetição: Entre 10 e 15 vezes ao mês. Procure o Médico, de preferencia o Neurologista! Vômitos, vertigens são agravantes! Do contrário, pode tentar com a farmácia.

Dor de Cabeça: Médico ou Farmácia? O que Realmente Resolve?

Esse é um quadro muito comum atualmente entre os brasileiros, pois assim que as Dores de Cabeça se tornam uma rotina na vida das pessoas. Prejudicam toda a qualidade de vida além de virem acompanhadas de diversos outros sintomas. Neste ponto, deve-se ficar atento e sim procurar ajuda médica.

“Temos hoje conhecido os mais diversos e Inúmeros Tipos de Dor de Cabeça.

Mesmo porque, as vezes, não é este o próprio problema. Como no caso da conhecido, divulgado e ainda visto como (manha) por alguns. A Enxaqueca ou da Cefaleia Tensional. Porém é com certeza, um sintoma de algo mais Grave.

Caso a Dor de Cabeça mude de característica em relação ao que está acostumado, tornando-se intensa e noturna, ou venha acompanhada de alterações como por exemplo: na visão (ficando turva ou embaçada), Enjoos, Vômitos e até Crises Convulsivas. Já passou do momento. É preciso procurar um médico Neurologista SP. Para que seja realizado um diagnóstico o mais correto possível. Mapeando por exemplo, da causa desses sintomas, podem ser solicitados exames. Como tomografia e ressonância magnética cerebral”, explica Neurocirurgião Moema – Dr Victor.

Uma das Dicas para quando ir Consultar o Médico e de preferência o Neurologista, é muito importante (porém não obrigatório) que se tenha de pronto em mãos. Informações do tipo sobre as Dores de Cabeça que vem se tendo ao londo dos dias, das semanas e até dos meses. Pois neste caso, isso facilitará o diálogo com o profissional Neurologista e também as por vezes, até o diagnóstico.

Dor de Cabeça: Médico ou Farmácia? O que Realmente Resolve?

  • Quanto tempo a Dor Costuma Durar?
  • Em qual Região ela é sentida?
  • Qual é a Intensidade?
  • Que tipo de Dor é
    • Crônica,
    • Aguda?
  • Quais outros sintomas a acompanham?

1Não faça isso! Se as Dores de Cabeça Forem Frequentes

Podemos tomar medicas preventivas a dor de cabeça, utilize sempre. É de conhecimento do histórico humano, que, o ser humano não se dá bem com a dor. Salvo exceções. Logo que a dor é percebida, normalmente procuramos uma forma de evita-la. Mas neste quadro evite o uso excessivo de analgésicos.

Em contra partida do que aparenta. Pois eles podem levar a um ciclo vicioso de dor. Sendo assim, guiar para um ciclo pior e agravado do quadro. Contagem de quadros, ocorrências e repetições. Se os episódios de Crise de Enxaqueca ocorrerem entre repetições de 10 (dez) ou 15 (quinze) vezes por mês, mais também se aplica, essa recomendação deve ser seguida à risca.

“Algumas células no sistema nervoso central produzem endorfina, que ajuda no combate à dor. O uso frequente de analgésicos acaba prejudicando a produção dessa substância. Isso obriga o paciente a toma-los cada vez mais, uma vez que as dores de cabeça se intensificam bastante”, afirma o Neurologista SP.

Em casos com número alto de repetições em curto período, é normalmente indicado suspender a medicação para que o sistema nervoso possa trabalhar normalmente e assim volte a produzir endorfinas.

Como os Analgésicos atuam? ou Como os remédios para dor funcionam? 

Assim o organismo desenvolve sua defesa natural contra as Dores de Cabeça frequentes.

“Embora a interrupção do uso de analgésicos nesta situação possa fazer com que o indivíduo sofra por um período, depois ele estará livre delas, graças ao aumento da produção de endorfinas”, conclui o especialista.

Doença mais Comum

Se preferir assistir ao Vídeo do Neurologista Dr Daniel Azevedo sobre Dor de Cabeça e Cefaleias no YouTube diretamente.

Provavelmente não existe doença mais comum que a dor de cabeça. Nós os associamos a fatores desencadeantes comuns do estilo de vida, como estresse no trabalho, mudanças na dieta, consumo excessivo de álcool e também com resfriados e alergias.

Geralmente, engolir um analgésico de venda livre (liberada e venda de gondola) cuida do problema. Porém, dores de cabeça recorrentes e graves podem estar relacionadas a

  • Diabetes,
  • Distúrbios Neurológicos,
  • Hipertensão ou
  • Artrite.

Eles Exigem Cuidados Profissionais – Por que Procurar um Neurologista?

O Centro de Dor de Cabeça e Dor Facial, no departamento de neurologia, concentra-se em melhores diagnósticos e tratamentos mais personalizados para pessoas com fortes dores de cabeça.

Quais são os Tipos mais Comuns de Dores de Cabeça?

“Dor de cabeça” é um termo amplo usado para descrever muitos tipos diferentes de dor, mas o termo “distúrbio da dor de cabeça” é o nome formal de uma condição médica na qual uma pessoa sofre de dor de cabeça recorrente, geralmente associada a outros sintomas, como náusea e sensibilidade à luz ou ruído. Diferentes tipos de distúrbios da dor de cabeça são definidos com base em características específicas e localização da dor. Morfina, e forte mesmo? Ajuda na minha enxaqueca?

A enxaqueca, o tipo mais comum de distúrbio da dor de cabeça, geralmente é uma dor intensa agravada pela luz e pelo som. Mais de 90% dos pacientes que visitam um médico com queixas de dor de cabeça sofrem de enxaqueca, de acordo com Christopher Gottschalk, MD, professor assistente de neurologia na Yale School of Medicine, o Neurologista doutor Willian Rezende, Médico da Clínica Regenerai e atende também em hospitais como BP (Beneficência Portuguesa) Mirante SP, concorda.

Cerca de um terço dos pacientes com enxaqueca terá episódios chamados “aura”, um tipo de disfunção cerebral que pode incluir a visão de formas em zigue-zague cintilantes ou “faíscas” visuais, pontos cegos, dormência de um lado do corpo ou dificuldade para falar.

Dor de Cabeça em Cluster

A dor de cabeça em cluster é caracterizada por episódios curtos de dor intensa em um lado da cabeça, geralmente várias vezes ao dia (e geralmente em um horário previsível do dia ou da noite). É frequentemente acompanhada por intensa vermelhidão nos olhos ou lacrimejamento ou corrimento nasal do mesmo lado da dor na cabeça.

A neuralgia facial refere-se a fortes facadas ou dores na bochecha ou na mandíbula por alguns segundos de cada vez. Dores de cabeça pós-traumáticas ocorrem após concussão ou outra lesão cerebral, e geralmente são muito frequentes e graves. Eles são frequentemente descartados como parte da “síndrome” pós-concussão e não são tratados adequadamente.

Referências Nacionais e Internacionais

 

Este Artigo lhe foi Útil?

Clique na Estrela Desejada

Average rating / 5. Contagem de Votos:

Que pena que não foi útil, vamos melhorar. Obrigado

Ajude-nos a melhorar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here